Governo

Temer se reúne com Meirelles, Skaf e Delfim, diz O Globo

O presidente Michel Temer (PMDB) se encontrou ontem em São Paulo com seu colega de partido, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, além de com seu advogado, Antonio Mariz de Oliveira. O ex-ministro da Fazenda Delfim Netto e o atual, Henrique Meirelles, também foram à residência de Temer, no bairro do Alto de Pinheiros.

A reunião não estava na agenda de Temer, nem nas de Skaf e Meirelles. Os temas discutidos, no entanto, foram, segundo a GloboNews, o aumento dos impostos e a defesa do presidente Temer, que fará a sustentação oral em 2 de agosto, dia da votação da denúncia contra ele na Câmara dos Deputados.

A reunião aconteceu dois dias depois de a Fiesp trazer de volta o pato amarelo de cinco metros usado em 2016, nos protestos contra a então presidente Dilma Rousseff. A entidade fez críticas ao aumento das alíquotas de PIS e Cofins sobre os combustíveis, anunciado pelo governo Temer na última quinta-feira. A alta entrou em vigor no dia seguinte.

A Fiesp se declarou “indignada” com o aumento dos tributos. “Todos sabem que o caminho correto é cortar gastos, aumentar a eficiência e reduzir o desperdício”, disse a entidade, em nota.

O aumento da carga tributária foi acompanhado de um contingenciamento de quase R$ 6 bilhões, com o objetivo de cumprir a meta de R$ 139 bilhões de déficit fiscal este ano. 

Conteudo originalmente postado no Portal :

Deixe uma resposta