Noticias

PSDB quer evitar racha em decisão da Executiva é o título de nota principal na coluna do Estadão

A cúpula do PSDB só vai para o “tudo ou nada”, em reunião agendada para segunda-feira, quando tiver a garantia de que o partido tomará uma decisão coesa sobre permanecer ou não na base de apoio do presidente Michel Temer. No momento, o placar interno mostra que o partido sairá rachado ao final dessa discussão, mas existe pressão pelo desembarque. Defensores da tese, acham que sair garantirá o discurso político nas eleições. Nesse caso, o PSDB manteria apoio às reformas e ministros poderiam permanecer como cota pessoal de Temer.

» Falta. Se não mudar de ideia, Aécio Neves estará ausente da reunião do diretório nacional do PSDB nesta segunda. Desde que foi afastado da presidência da sigla e do mandato de senador, evita sair de casa.

» Calendário. Hoje, completa 24 dias que Andrea Neves e Frederico Pacheco, irmã e primo de Aécio Neves, foram presos acusados de negociar e receber propina de Joesley Batista.

Deixe uma resposta