Noticias

Quatro leilões de áreas no pré-sal até 2019, diz O Globo

CNPE anuncia em abril os blocos que serão oferecidos

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) vai aprovar em reunião no próximo dia 11 de abril as áreas no pré-sal que serão ofertadas em quatro leilões a serem realizados até 2019. O anúncio foi feito ontem pelo secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, Márcio Félix.

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) está concluindo a lista dos blocos que serão apresentados para aprovação pelo CNPE. Segundo o secretário, em junho deverá ser realizado o segundo leilão do pré-sal no regime de partilha, com as quatro áreas unitizadas (que tem reservas que extrapolam de blocos já em concessão). Em novembro, será o terceiro leilão do pré-sal com novas áreas exploratórias. Um quarto leilão será realizado em 2018 e o quinto do pré-sal em 2019. O primeiro leilão foi em 2013, quando foi arrematada o campo de Libra, na Bacia de Santos.

O secretário, que participou ontem de evento do Instituto Brasileiro do Petróleo, admitiu que poderão ser ofertadas no terceiro leilão as áreas Pau Brasil, Peroba e Alto de Cabo Frio.

— O CNPE nessa data (dia 11 de abril) vai apreciar as áreas para as rodadas de 2017, 2018 e 2019 para exploração sob regime de partilha — destacou.

De acordo com o secretário, em cada licitação do pré-sal, devem ser oferecidas de três a quatro áreas. Em novembro deste ano , junto com o leilão do pré-sal, será feita também a 14ª rodada do pós-sal.

Conteudo originalmente postado no Portal :

Deixe uma resposta