Noticias

TCU libera a venda de ativos da Petrobras é destaque na primeira página do Valor

Considerado um dos mais valiosos ativos do programa de desinvestimentos da Petrobras, a BR Distribuidora terá seu processo de venda reiniciado praticamente do zero, atendendo determinação do Tribunal de Contas da União (TCU). O órgão autorizou ontem a continuidade das privatizações, desde que os procedimentos sejam ajustados.

Ficaram de fora das novas exigências dois ativos: os blocos de Baúna e Tartaruga Verde, localizados na Bacia de Santos, e o campo de Saint Malo, que fica no trecho americano do Golfo do México.

O TCU era apenas mais um obstáculo no plano de desinvestimentos da estatal, considerado fundamental para recuperar suas finanças após os escândalos e prejuízos dos últimos anos. A venda de Baúna e Tartaruga Verde, fechada por US$ 1,5 bilhão com o grupo australiano Karoon, está pendente de decisão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, que analisa uma liminar concedida em novembro do ano passado pela Justiça de Sergipe que entendeu que o negócio não poderia ser feito sem licitação.

Deixe uma resposta