Noticias

Previdência: idade menor é inviável, diz ministro é o título de matéria no Globo

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou ontem que uma possível redução da idade mínima para aposentadoria de mulheres terá que ser compensada pelos homens. Segundo ele, se as trabalhadoras puderem se aposentar aos 60 anos, por exemplo, a regra para homens teria que ser elevada para 71 anos, como forma de balancear o custo. Meirelles acrescentou que um aumento da regra de transição é inviável.

A proposta que o governo enviou ao Congresso unifica a idade para recebimento do benefício, em 65 anos, e causa polêmica no Congresso. Esse é um dos pontos que os parlamentares já sinalizaram que querem mexer. Para Meirelles, no entanto, uma elevação muito grande para a idade mínima masculina seria um risco para alguns estados brasileiros, à medida que se aproxima muito da expectativa de vida.

O ministro afirmou que a mulher é “importantíssima” na economia e mencionou o fato de que elas ganham uma remuneração inferior a dos homens. A dupla jornada e a desigualdade no mercado de trabalho são argumentos contrários à fixação da mesma idade mínima para aposentaria entre homens e mulheres, proposta na reforma da Previdência. Meirelles, no entanto, diz que essas questões foram consideradas na regra de transição proposta.

Conteudo originalmente postado no Portal :

Deixe uma resposta