Noticias

Dirigentes do PMDB vão a Temer contra Moreira é o título da nota principal da coluna do Estadão

Um grupo de presidentes de diretórios estaduais do PMDB vai procurar o presidente Michel Temer para se queixar do ministro Moreira Franco. A decisão foi tomada ontem, depois de cobrarem do presidente do partido, Romero Jucá, dinheiro do fundo partidário para cobrir despesas eleitorais. Jucá empurrou a responsabilidade para Moreira, que preside a Fundação Ulysses Guimarães. “Nosso acordo não foi com Moreira. Já que ninguém decide, vamos no Temer”, disse o deputado Daniel Vilela (PMDB-GO) a Carlos Bezerra (PMDB-MT).

Ocupa Temer. Os diretórios cobram R$ 5,5 milhões para pagar dívidas de campanha que assumiram com o compromisso de que a executiva iria bancá-las, o que não ocorreu.

Deixe uma resposta