Noticias

Baleia tenta evitar disputa no ‘peso’ é o título de matéria no Globo

Em meio ao impasse quanto ao parlamentar que seria indicado pelo PMDB para disputar a primeira vicepresidência da Câmara, o deputado José Priante (PA), disse ontem que o adversário, Lúcio Vieira Lima (BA), queria ganhar a disputa “pelo peso”. Na véspera, a bancada se reuniu para decidir no voto o candidato do partido, mas deu empate. O líder do PMDB, deputado Baleia Rossi (SP), decidiu, então, suspender o anúncio, deixando a definição para depois.

Priante alegava que a vaga era dele porque pelo regimento da Câmara, em casos de empate, vence o parlamentar com mais tempo de Casa. Ele está no quinto e Lúcio, no segundo mandato. Lúcio contra-argumentava defendendo que o vitorioso deveria ser o mais velho em idade.

O regimento está a meu favor e não vou abrir mão disso, nem que esta questão seja judicializada. Lúcio está querendo vencer pelo peso — disse, em referência ao fato do colega de partido ser gordinho.

O deputado Lúcio Vieira Lima rebateu, destacando que Priante concordou com o critério de desempate estabelecido antes da votação, que caberia ao parlamentar mais velho a indicação.

O critério não muda de acordo com o resultado. Se tivéssemos estabelecido o desempate por peso, problema nenhum, eu subiria na balança — zombou.

Havia, segundo peemedebistas, jurisprudência interna no partido sobre o critério de desempate, que é a idade. Lúcio tem 54 anos e Priante, 53.

O líder do PMDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), acabou no fim da tarde anunciando que Lúcio seria o indicado. Priante reagiu e disse que vai reunir a parte da bancada que votou nele e avaliar que postura adotar diante da escolha do Baleia. Priante disse que o líder, reconduzido por unanimidade, arbitrou a favor do Lucio ao votar e contra ele próprio:

Esse juiz teve lado, ele não deveria ter interferido nessa disputa. O Baleia votou e criou um problema para ele. Essa baleia deve ter sido criada em aquário alfinetou — reclamou.

Correndo por fora e paralelamente ao impasse, o deputado Fábio Ramalho (MG) se inscreveu oficialmente ontem justamente para a mesma vaga em disputa: a a primeira vice-presidência da Casa.

Deixe uma resposta