Noticias

Centrão vai continuar a faser pressão no STF e Maranhão passa a ser disputado por Jovair e Maia, diz série de notas no Painel da Folha

Últimas cartadas 

O centrão deflagra nesta quarta (1º) a última etapa de sua ofensiva jurídica contra a candidatura de Rodrigo Maia (DEM-RJ) à presidência da Câmara.

Para já Com o argumento de que a eleição vai ocorrer antes de se esgotar o prazo para a defesa, pedirá que Celso de Mello analise o caso mesmo sem a manifestação de Maia. Também voltará ao Supremo depois da formalização de sua candidatura.

Faca no pescoço Se o STF não se posicionar antes da eleição, rivais de Maia dizem que a Câmara passará dois anos submissa à corte. A possibilidade de o tribunal julgar a ação que pode afastá-lo no futuro inibiria qualquer movimento da Casa que contrarie interesses do Supremo.

De novo ele Com a perspectiva de que comande a sessão da eleição e os trâmites da disputa, o primeiro-vice da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), agora é cortejado por aliados de Maia e de Jovair Arantes (PTB-GO).

Olha eu aqui Com a caneta na mão em momento tão importante, Maranhão pode acabar sendo agraciado com a Ouvidoria da Câmara. Maia tem dito a aliados que está “tranquilo” com o comportamento de seu vice.

Deixe uma resposta