Análises

Denúncia Janot Temer

Denúncia Janot Temer - Equilibre Analises

Conforme alertado anteriormente, o Procurador-Geral da República optou por denúncias fatiadas contra o presidente Michel Temer com o propósito de debilitar politicamente a figura presidencial e tentar asfixiar a defesa com, pelo menos, 3 denúncias. A primeira por corrupção passiva e as seguintes por obstrução da Justiça e organização criminosa. A decisão sobre agrupar ou não as denúncias, que ocorrerão tem timings distintos, caberá ao aliado Rodrigo Maia.

A estratégia do MP é desgastar Michel Temer e esvaziar a ofensiva do Palácio do Planalto em liquidar o assunto enquanto os números da Câmara ainda são favoráveis ao governo. As denúncias têm potencial para congelar as votações e subtrair qualquer clima de normalidade que se tente propagar. Elas irão prolongar a agonia presidencial por vários rounds.

Com a acusação feita nesta segunda] (26-06), os possíveis prazos da primeira denúncia podem ser estimados a partir do encaminhamento da peça pelo Supremo Tribunal Federal. Projetamos que a conclusão, contabilizados os prazos máximos, deve ocorrer, mantido o recesso branco, onde os prazos seriam contados, no final do mês de agosto. Registre-se que na estimativa estão respeitados os finais de semana, quando não há sessões

Conteúdo exclusivo para assinantes

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório